EDP anuncia vencedores do Prêmio Inovação 2020

edp news

EDP anuncia vencedores do Prêmio Inovação 2020

segunda-feira 03, Fevereiro 2014

Foram reconhecidos projetos mais inovadores que buscaram soluções para problemas como vazamento de gás em residências, qualidade de vida em comunidades de baixa renda e eficiência energética

A EDP Energias do Brasil, empresa do Grupo EDP Energias de Portugal, anuncia os três vencedores da quarta edição do Prêmio EDP Inovação 2020. Este ano, os participantes foram estimulados a criar soluções inovadoras focadas no tema “Cidades Inteligentes”. Dos dez projetos que chegaram à fase final, três foram selecionados pela inovação, lógica do negócio e sustentabilidade do modelo de negócio, além do uso adequado das ferramentas tecnológicas para a solução de problemas sociais e cotidianos. 
  
“O Prêmio EDP Inovação 2020 é uma iniciativa pioneira no setor que reúne dois dos valores mais importantes da companhia: inovação e sustentabilidade”, afirma Miguel Setas, diretor-presidente da EDP no Brasil, na abertura do evento de premiação, que ocorreu na última sexta-feira (31), em São Paulo.

O primeiro lugar foi para a Hesteq, empresa formada por alunos da Universidade de Campinas (Unicamp), com projeto que desenvolveu um sistema de detecção de vazamento de gás em prédios e residências. O grupo de estudantes ganhou R$ 25 mil em dinheiro e mentoria por 1 ano para levar a ideia adiante, além de uma viagem ao Vale do Silício e um mês de uso em um espaço de co-working. 

O segundo lugar foi para “Favela Sustentável”, que busca gerar biogás e biofertilizante por meio de matéria orgânica coletada em comunidades de baixa renda. Além de abastecer as residências, o projeto prevê geração de renda com a venda dos fertilizantes fabricados. Segundo dados de 2010 do IBGE, há cerca de 1,4 milhão de pessoas morando nas 763 favelas da cidade. O projeto recebeu prêmio no valor de R$ 15 mil, além de mentoria e orientação. 

Em terceiro lugar, o grupo de Fortaleza SIAC ganhou prêmio no valor de R$ 5 mil, também com mentoria e orientação, com projeto que prevê o desenvolvimento de microgeradores de energia em torneiras e tubulações hidráulicas. De acordo com cálculos do grupo, cada aparelho pode gerar até 200 watts de energia elétrica. 

Houve também uma menção honrosa ao grupo CasaClic, que apresentou um projeto de construção de casas com sistema de encaixe de tijolos e acabamento feito em peças de PVC. A empresa já conta com parcerias de grandes produtores, patente em mais de 100 países e está expandindo suas atividades para o continente africano. 


Processo de seleção

Ao todo, foram 250 trabalhos inscritos na quarta edição do Prêmio EDP Inovação 2020, com início em outubro. Na primeira etapa, foram selecionadas 30 equipes, que passaram por capacitação online de empreendedorismo, com cursos da Endeavor e Luxr. 

Em seguida, 10 projetos finalistas foram selecionados. Além de capacitação presencial com Bel Pesce e Yuri Gitahy, realizada em São Paulo, contaram com palestras focadas no refinamento do modelo de negócio e na preparação para a apresentação final dos trabalhos. 

Na derradeira etapa, ocorrida na última sexta-feira (31), a banca examinadora, formada por executivos da EDP e empresas parceiras, escolheu os três vencedores após a apresentação final dos projetos.  


Sobre o prêmio

Lançado em 2010, o Prêmio EDP Inovação 2020 chega à quarta edição com o objetivo de incentivar a inovação, a sustentabilidade e o empreendedorismo no Brasil por meio do estímulo ao desenvolvimento de novas tecnologias e novos modelos de negócios, com foco nas cidades inteligentes. 

O prêmio integra a política de inovação adotada pela companhia e está ancorado na previsível transformação dos atuais modelos do setor energético. Com 20 empresas parceiras, entre entidades estudantis, incubadoras e empresas de apoio ao empreendedorismo, o prêmio oferece muitas vantagens aos participantes. Além da premiação para os vencedores, todos têm a oportunidade de interagir entre si e com os executivos da EDP e das empresas parceiras. Contam, ainda, com acesso a cursos de empreendedorismo, além de orientação e visibilidade.