EDP Renováveis celebra entrada em operação do Parque Eólico de Cidreira I

edp news

EDP Renováveis celebra entrada em operação do Parque Eólico de Cidreira I

quinta-feira 05, Abril 2012

Entrada em operação do Parque Eólico em Tramandaí assinalou a ultrapassagem da barreira dos 1000 MW de capacidade instal

A EDP Renováveis Brasil, empresa EDP Renováveis (55%) e EDP Energias do Brasil S.A (45%), celebra nesta quinta-feira, 05, a entrada em operação do Parque Eólico de Cidreira I (Tramandaí), localizado no município de Tramandaí, litoral do Rio Grande do Sul. O Parque Eólico tem capacidade instalada de 70 megawatts e produção estimada de 211.437 MWh anuais, energia suficiente para abastecer uma cidade de mais de 200 mil habitantes, cerca de cinco vezes a cidade de Tramandaí.


Com a entrada em operação de Tramandaí, a EDP Renováveis Brasil assume um portfólio de 84 MW de potência instalada de geração de fontes eólicas. Além disso, o Parque de Tramandaí fez o Brasil ultrapassar a barreira dos 1.000 MW de capacidade a partir da força dos ventos, superior à potência de uma turbina da Usina de Itaipu.


Para a construção do empreendimento, a EDP Renováveis Brasil atendeu às exigências ambientais, incluindo proteção e controle de rotas de aves migratórias e preservação de espécies da fauna e da flora nativas. Instalado na zona Sul da cidade de Tramandaí em uma área de dunas, ainda durante a construção o Parque gerou 600 empregos diretos, quando foram construídas as vias de acesso, fundações, torres, subestação e linha de transmissão.


O Parque é composto por 31 aerogeradores (de 1.9 a 2.3 MW) com torres de 98 metros e pás de 40 metros, que somam uma altura total de 138 metros, equivalente à altura de um prédio de 50 andares. Para se ter uma ideia de grandeza, um aerogerador de 2,3 MW produz de 5 a 7 milhões kWh de energia limpa por ano o que corresponde ao consumo de cerca de 2.000 residências ou 8.000 pessoas.


Com este novo parque, a EDP Renováveis Brasil reforça sua aposta em energia eólica no País, considerada estratégica e definitiva para o Grupo EDP, bem como está alinhada com a necessidade da matriz energética brasileira de contar com energia limpa complementar à hídrica, pois os ventos são mais fortes nos períodos mais secos. O Brasil possui ventos com alto potencial de velocidade e direção bem definidos, além da densidade do ar mais baixa, o que o torna um dos melhores países do mundo para desenvolver a energia originada dos ventos.



Responsabilidade Social Corporativa

A EDP Renováveis Brasil, por meio do Instituto EDP, instituição que coordena as ações socioambientais do Grupo EDP no Brasil , mantem programas sociais em Tramandaí, no Rio Grande do Sul e Água Doce, em Santa Catarina. Os projetos auxiliam na melhoria da qualidade do ensino público, na melhoria de vida das comunidades locais e atividades relacionadas ao meio ambiente com enfoque na valorização da preservação ambiental.


Entre os programas estão o EDP nas Escolas, Diálogos com a Comunidade, Aventura e Ecologia e Curso de Educação Ambiental.


O EDP nas Escolas acontece no municipio de Tramandaí (RS), desde 2009, contemplando as escolas da Secretaria Municipal da Educação e Cultura de Santa Catarina e a Escola Municipal Jorge Enéas Sperb, no Rio Grande do Sul. O projeto tem como objetivo melhorar a qualidade de vida escolar de alunos de escolas públicas municipais por meio do desenvolvimento de diversas ações, como entrega de kits escolares, o Teatro nas Escolas, auxílio do ambiente escolar, o concurso cultural Arte com Energia, capacitação de professores, além da conscientização para o uso racional e seguro de energia elétrica.


O projeto Aventura e Ecologia iniciou-se em dezembro de 2011, e consiste em passeios ecológicos na região de Tramandaí e é realizado pela ONG Farol da Terra e pela Expedições Jamboo Viagens e Turismo, com patrocínio da EDP Renováveis Brasil. A ação pretende incentivar a população a desenvolver atividades relacionadas com o meio ambiente, turismo e energia eólica com enfoque na preservação ambiental. São três atividades distintas, City Tour Ecológico, Canoagem Ecoturística e Mini-Cursos Ambientais sobre plantas medicinais, fotografia ambiental, entre outros temas.


A EDP Renováveis Brasil também patrocinou, em 2011, o Curso de Educação Ambiental, realizado para 40 representantes de 18 municípios ligados ao Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Tramandaí.


Além disso, moradores, líderes locais e autoridades da região de Tramandaí participam do Diálogos com a Comunidade. O projeto acontece desde o segundo semestre de 2010, onde são promovidos ciclos de conversas que abordam e explicam temas de interesse público, relacionados ao parque em construção na região.